sábado, 8 de junho de 2013

daquela conversa.



.

'você me ama?' 'depende' 'depende do que?' 'depende se você me ama também' 'e se eu amar?' 'daí eu digo o mesmo' 'diz que se ama também?' 'digo que amo você' 'e se for o contrário?' 'eu guardo pra mim' 'e a gente fica como?' 'do jeito que estamos' 'por que você não dá o primeiro passo?' 'você vai comigo?' 'então é assim que funciona?' 'assim como?' 'você só faz se outro fizer primeiro?' 'basicamente' 'e se eu disser que te amo?' 'já era pra ter dito' 'por que?' 'porque foi você quem começou' 'comecei o sentimento ou a conversa?' 'acho que os dois' 'eu não te amo' 'então por que queria saber se eu te amava?' 'porque no momento é do que eu estou precisando' (...)

3 comentários:

Renan Mendes disse...

:/

Maria Midlej disse...

Menina, e eu que já tive essa conversa? Mas no final era eu querendo dizer e ele não.

rs

- berg dantas disse...

"amor não é um sentimento, é uma habilidade" (eu, meu irmão e nossa namorada)

-lindo, fran! <3