terça-feira, 1 de novembro de 2011

1973.



.
Ela já tinha planejado tudo, arquitetado todos os passos e só esperava pela execução - que ela ainda não sabia, mas que seria um sucesso.
Para dar mais um charme a tudo aquilo, alguns imprevistos aconteceram. Era só o início da noite, não só da noite mas de alguns outros acontecimentos também. Os ponteiros pareciam não se importar com o horário que ela teria de levantar, corriam soltos pelo relógio. A noite foi regida por risos e elogios. Não se sabia se era o rosto ou as unhas dela que estavam mais vermelhos - menina acanhada e metida a tímida.
Dizem que é como andar de bicicleta, porém  ela não sabia andar. Fato é que ninguém nasce sabendo, se aprende praticando e lá foi ela (...)

- Singing, "Here we go again"

3 comentários:

Renan Mendes disse...

Ninguém nasce sabendo mesmo...

Isadora Peres disse...

E é tão mais gostoso quando a gente aprende com quem vale a pena e ensina direitinho... hahaha.

"Metida a tímida"... Ai, me li ali. hahaha.

Adorei, Fran! Como sempre! :)

Juliana Braz disse...

Adorei teu blog, quanta coisa linda.
Estou seguindo. Parabéns :)

Se der da uma passadinha no meu e segue de volta?
http://julianabraz.blogspot.com/

Beijos.