quinta-feira, 24 de julho de 2014

ih, sônia!



.
nas minhas noites de insônia eu fico a pensar que não estou só nesse bonde do vira pra cá, roda pra lá, tira o lençol do lugar e nada do sono chegar. meu sono vem divido em duas suaves prestações: junto com o sol e depois do almoço. quem foi que inventou que só podemos dormir na ausência do rei sol? a noite e principalmente a senhora madrugada são anfitriões de nossos melhores momentos. talvez pela ausência inibidora da platéia. não se preocupe com as olheiras, elas são charmosas. contemple os detalhes do teto, ouça uma música nova e escreva sobre.

Nenhum comentário: