segunda-feira, 25 de novembro de 2013

ser lembrada.



.
intimidade a gente não compra ou troca, ela acontece na hora e do que jeito que quer e nem escolhe com quem vai ser. pode vir com o dia-a-dia ou então com o desejo de bom dia que rola quando nos encontramos com alguém. há níveis diferentes para pessoas diferentes. as pessoas estão sempre confundindo alho com baralho, querem apostar numa coisa que nem é delas e perdem o jogo por medo de passar a vez.
 deixar a pessoa ser quem ela é ou quem ela quer ser é uma demonstração de afeto sem medida. não tentar adivinhar o que a outra pessoa deseja é dar a ela a liberdade de escolher. ficar com medo das reações alheias é perder o elemento surpresa que acelera as batidas do coração.
não se apresse em conhecer todos os gostos, medos, desejos, sonhos e planos do outro. faça com que cada descoberta seja celebrada com dignidade. porque depois que se explora tudo, perde-se a graça e a vontade. 
 não tome as pessoas por você, pois nem todos vieram do mesma forma.

Um comentário:

Renan Mendes disse...

tatuando no corpo pra ser lembrado sempre <3