domingo, 4 de março de 2012

love me or leave me.



.
você já gostou tanto de algo a ponto de imaginar que sem ele seria impossível continuar a viver?! pois então, isso acontece todos os dias e com todos os humanos.
você se apaixona e se entrega de tal forma, que esse algo se torna a sua razão de viver e o motivo pra você abrir os olhos de manhã. tudo que você faz gira em torno dele. acaba de tornando um vício. uma parte do seu corpo.
as horas passam. os dias passam. as semanas passam. os meses passam. os anos passam.
daí, como a vida/o destino gosta de uma sacanagem, esse tal algo se vai ou se perde pelo caminho.
é o momento em que pensamos que vamos morrer, que já não existe motivo pra viver e muito menos pra sair da cama. 
os dias são sem cor e sem graça. tudo ganha um tom escuro e sombrio. 
achamos que o nosso lugar é no fim do poço e que ao chegarmos lá iremos morrer.
de fato, tudo é só um drama.
novamente, as horas passam. os dias passam. as semanas passam. os meses passam. os anos passam.
quando menos esperamos já estamos vivendo novamente. é o nosso momento. momento de fazer novos planos. desejar novos sonhos. cuidar da gente e da mente.
daí, como a vida/o destino gosta de uma sacanagem, coloca novamente em nossas mãos algo novo, pelo qual nós iremos nos entregar e nos apegar loucamente. 


6 comentários:

renatocinema disse...

Me pego sempre pensando nessa questão.

Linda imagem para um lindo texto de reflexão.

Juliana Simões disse...

Felizmente ou infelizmente, esse é o ciclo louco da vida, rs.
Estou seguindo seu blog, caso queira seguir o meu , ...
http://julianasimoesq.blogspot.com/
Beijinhos, Jú. :))

Anônimo disse...

Life, is a heartless bitch ;)

Tatiane Trajano disse...

Quando nos magoamos vem toda aquelas lamentações como: nunca mais me entregarei assim de novo e blá, blá, blá...

Isso só dura até a próxima paixão acontecer.

Inercya disse...

é o ciclo da vida, né? ;~

Carolina Rosseto disse...

Há dias de sol e há dias de chuva. Ninguém vive só de amor, as vezes precisa de uma dor.. pra crescer!