terça-feira, 4 de janeiro de 2011

ato seis.


.
Se existe um momento pra desejar e idealizar algo, esse é o momento. O mês de janeiro cheira a sonho e a ilusão. A esperança que morreu no mês de julho ressuscita e com ela a força de vontade. Cada ser que respira clama por uma chance ou por uma terceira. Estamos todos com as baterias carregadas, prontos pra viver mais doze meses. O prazo parece ser longo, mas se visto de perto é curto. A cada ano, os meses correm pelos calendários.
Eu tenho visto e reparado que muita gente não quer fazer lista, não quer idealizar nada e nem se atreve a fazer um pedido. Não te condeno, eu te entendo. Mas a verdade é que, só de não querer já queremos. 
Jogo do time dos que acreditam que começo de ano é uma nova oportunidade que surge. Mesmo que seja uma nova oportunidade pra reviver coisas passadas e usadas. 

# usando o novo e deixando o novo me usar.

4 comentários:

renatocinema disse...

Primeiro leitura de blog de 2011. belo texto. Animador.....feliz 2011.

Luciana Matos disse...

E se a gente não acreditar que vai ser melhor, mais lindo, mais tudo como é que fica? Acabou o encanto!
Sempre tenho absoluta certeza de que a minha lista será plenamente realizada! rs!
#euacredito
Beijo!

Fil. disse...

meu pedido é o mesmo eterno de sempre:
ter a dor e a alegria - de repente - destiladas em poesia.

*-*

Feliz 2011

Caroline ; disse...

e dessa vez eu não desejo nada para um ano, mas desejo teu blog sempre na ativa ! haha, é uma exceção (: